Como se livrar do mofo na casa com construção eficiente?

Construção em Steel Frame
17 de março de 2019

Como se livrar do mofo na casa com construção eficiente?

Saiba como se livrar do mofo na construção da sua casa utilizando o sistema de steel frame e dry wall, popular na Europa e nos Estados Unidos.

O clima tropical do Brasil, com muita umidade e alterações de temperatura, faz com que o mofo seja um problema recorrente, especialmente nas épocas chuvosas.

Não só o mofo no interior é um grande problema, mas também o seu controle durante a construção, já que qualquer falha ou fragilidade nessa etapa pode ser prejudicial para toda a obra.

Os sistemas de construção com drywall e steel frame são ótimas alternativas para quem já pensa na prevenção do problema desde a etapa de planejamento e escolha dos materiais.

Ao contrário da construção tradicional, mais empregada no país, que é a de alvenaria, eles são secos e possibilitam que diversas medidas contra o acúmulo de umidade e variações de temperatura sejam empregadas na construção do imóvel.

Ainda pouco utilizados no Brasil, eles são bastante populares nas nações mais desenvolvidas, e seus resultados são extremamente satisfatórios, já que são mais eficientes que o método tradicionalmente utilizado no país.

Leia este artigo para saber mais sobre esses sistemas e as vantagens de utilizá-los, sua eficácia no combate ao temido aparecimento e à proliferação do mofo, e descubra motivos que farão você utilizar o drywall e o steel frame em todas as obras que planejar a partir de agora!

Conheça o que é a construção com steel frame:

A primeira vez que esse sistema foi apresentado foi no ano de 1933, na Feira de Chicago.

Ele é uma evolução do sistema wood frame – com estrutura de madeira – existente há mais de 5 séculos.

Também conhecida como construção seca, por não utilizar água além da etapa de fundação, é bastante ecológico, não produz entulho, é rápido, limpo, e configura ótimo isolamento acústico, manutenção de temperatura, além da aparência ser a mesma de uma casa de alvenaria.

O steel frame é um método de construção que utiliza em sua estrutura peças de aço galvanizado pré-fabricadas, de acordo com as necessidades do cliente, sendo fechadas interna e externamente por placas pré-construídas, e com diversas camadas que conferem as propriedades tão desejadas e vantajosas do steel frame –  e que também o tornam ótimo para evitar o mofo.

As placas internas são quase sempre feitas pelo método drywall, que garante praticidade e beleza à obra, e possibilita a escolha de diferentes materiais para garantir os resultados necessários, dentre eles, a prevenção do acúmulo de umidade e o aparecimento de mofo na parte interna do imóvel.

No Brasil, o sistema de construção pelo método steel frame está cada vez mais popular, pois seu custo não é muito maior que o método de alvenaria – na verdade, o maior empecilho ainda é o treinamento dos trabalhadores na construção, que precisam de conhecimentos específicos.

Outro problema para a popularização desse sistema no país é a cultura, já que o sistema de construção tradicional é mais difundido, e muitas lendas existem sobre o steel frame, como que ele não é seguro e a construção é frágil.

Nada disso é verdade!

O método tradicional, além de acarretar muito estresse pelas incertezas, o gasto que pode se tornar absurdamente maior que o previsto, gerar entulho e necessitar de muita água, é muito favorável para que o imóvel acumule umidade e ocasione o alastramento do mofo, o que não ocorre na construção com steel frame.

Para evitar que possíveis problemas surjam nesse tipo de construção, moderna e segura, há diversas normas da ABNT que garantem a qualidade e eficiência do steel frame, as quais devem ser observadas, além de ser importante a qualificação de quem irá executar a obra.

Se observados todos os cuidados necessários na construção, não se criar e nem empregar gambiarras para tentar baratear o material e o planejamento – o que acaba os danificando – e contar com supervisão de especialistas e pessoal qualificado, certamente a sua obra com steel frame durará por séculos com beleza e qualidade.

Saiba o que é o drywall:

O drywall é um sistema de revestimento interno, surgido na Inglaterra, no século XIX, e que, assim como o steel frame, tornou-se muito popular na Europa e nos Estados Unidos, principalmente após a Segunda Guerra Mundial.

Ele é constituído por placas de gesso fixas em aço galvanizado, e pode conter outras camadas internas que garantem proteção térmica e acústica, por exemplo.

Assim como o steel frame, é um método de construção seco, o que já ajuda a evitar o mofo enquanto a obra é executada, e é muito mais prático e eficiente que o sistema de alvenaria, já que as placas de gesso são mais leves – o que torna mais barato para transportar – e bem mais fáceis para instalar.

Ao contrário do que se dissemina, o drywall funciona como uma parede comum, sendo possível fixar móveis, televisões, quadros, desde que atendidas as especificações necessárias.

Por possibilitar a manutenção da temperatura, ele evita que a umidade se acumule nas paredes, evitando que o ambiente ideal para o aparecimento do mofo seja criado.

O drywall também aceita muito bem que sejam colocados azulejos, papéis de parede, e diversos tipos de tinta em sua superfície.

Além dessas qualidades, é uma ótima alternativa para quem quer criar estruturas diferenciadas, como a criação de formatos curvos ou diferentes níveis de parede, e para reformas internas, já que evita a produção de entulho e quebra-quebra, que incomoda vizinhos.

Aos poucos, a utilização do drywall em construção ganha espaço no Brasil, já sendo bastante comum em espaços comerciais, devido às facilidades e a segurança que oferece na personalização do local.

Por que esses sistemas são os melhores contra o mofo?

Você já sabe que o steel frame e o drywall são os melhores sistemas para construção, devido à praticidade, economia, limpeza, baixa produção de resíduos, rapidez, capacidade de personalização.

Veja, agora, quais são as grandes vantagens que eles apresentam para que você nunca mais precise enfrentar o problema de mofo na sua obra!

Como não há isolamento térmico nas construções tradicionais, a temperatura interior sempre é maior que a externa, porém, as estruturas da casa, que são tijolos e concreto, são elementos frios, e favorecem a condensação da água – que forma a umidade e auxilia na proliferação de fungos, causando o mofo.

Já dissemos que o steel frame e o drywall são secos, ou seja, não necessitam de água durante a construção – além da etapa de fundação, característica que ajuda a evitar a formação do mofo durante a construção.

Outra vantagem é que ambos os sistemas são muito eficientes para combater o mofo interno, que aparece durante os anos de uso da casa devido às variações de temperatura externa e também por fatores simples do dia a dia, como o uso do chuveiro e até mesmo da cozinha.

Isso porque, tanto no steel frame quanto no drywall, é possível garantir que tecnologias de prevenção à umidade e controle de temperatura e de vedação sejam empregadas na estrutura, desde a fundação até o telhado.

Abaixo, confira as técnicas mais comuns para que você empregue em sua construção com steel frame e drywall a fim de impedir que o mofo tenha qualquer condição para aparecer e se alastrar – tanto na realização da obra quanto quando o imóvel já estiver sendo utilizado.

  • Membrana contra a umidade
  • Sistema de Flashing
  • Uso de manta asfáltica
  • Chapas Verdes
  • Componentes hostis a fungos

como se livrar do mofo utilizando steel frame e dry wall

Usando a membrana para prevenir o mofo:

As placas para o revestimento exterior, no método steel frame, são formadas com diversas camadas de materiais diferentes, com funções específicas que não só mantém o imóvel seguro, como também ajudam a controlar a umidade e a temperatura, por exemplo.

Nesse caso, as estruturas externas utilizam em sua composição interior uma membrana (uma espécie de manta plástica) para drenar a umidade que vem de fora, evitando que ela entre na parte interior da construção e fique acumulada, o que propiciaria o aparecimento do mofo.

Ao utilizar a técnica do steel frame, você já estará adquirindo um material pensado e construído para que o seu imóvel seja seguro no combate aos elementos facilitadores do mofo.

O sistema de flashing na prevenção do mofo:

Além disso, utilizar o sistema de flashing na construção com steel frame também é importante para evitar o acúmulo da umidade.

O flashing consiste na vedação, com fitas de manta asfáltica, das aberturas e partes da estrutura que possam apresentar vãos com contato ao meio externo, evitando que água e vapor passem para o interior da obra, impedindo a umidade, ideal para o aparecimento do mofo.

A utilização de materiais de qualidade e que garantam o resultado é essencial para que qualquer planejamento dê certo, e quando esses requisitos são atendidos o método do steel frame garante que a umidade não passe para o interior da construção.

A manta asfáltica e o combate ao mofo no steel frame:

O uso de manta asfáltica para impermeabilizar a fundação e o telhado da construção são outras das técnicas utilizadas pelo método steel frame para evitar o acúmulo de umidade nas estruturas de aço galvanizado e nas paredes da casa.

Mesmo que a umidade consiga ultrapassar, com a utilização de todas essas técnicas, ela não irá acumular na estrutura da casa; com isso, não ocorrerá a tão temida formação de mofo, extremamente comum nas construções tradicionais.

As chapas verdes no drywall:

As chapas verdes são um dos tipos de revestimento de drywall especificamente desenvolvidos para áreas úmidas, como banheiros e cozinhas, que evitam a formação de mofo.

Elas evitam o acúmulo de umidade, o que faz com que o ambiente propício para o mofo não ocorra.

Entretanto, essas chapas não são impermeáveis, o que torna necessário o tratamento adequado da superfície revestida com o drywall na construção. Para essa finalidade, é possível usar o sistema de manta asfáltica para a vedação das superfícies em que possa ocorrer o contato com a água.

A composição do drywall no combate ao mofo:

As placas de drywall são feitas com gesso e aço, podendo conter lã mineral ou de vidro para garantir o isolamento térmico e acústico.

Esses materiais em sua composição, hostis aos fungos, além do processo seco para a instalação de drywall nas construções – que evita a umidade – se mostram bastante eficientes no combate ao que é eficiente para o combate mofo, já que eliminam elementos responsáveis para seu aparecimento e proliferação.

Acerte na escolha: utilize steel frame e drywall para acabar com o mofo na sua construção!

Agora você já sabe que o steel frame e o drywall são as melhores opções para que a sua construção seja rápida, eficiente, limpa, segura, e eficaz para combater o mofo.

Essas duas tecnologias são feitas com elementos que combatem a proliferação dos fungos, o descontrole térmico nas paredes interiores, e o acúmulo de umidade tanto interna quanto externa, o que acaba com as possibilidades do aparecimento de mofo, tanto na etapa de construção quando durante os anos de uso do imóvel.

Além disso, as diversas técnicas para vedação de possíveis entradas de água – como o uso de manta asfáltica na fundação, no teto e nas aberturas – reforçam a segurança que o steel frame possui para evitar que o mofo se forme na construção.

O combate ao mofo assim é garantido, o que não ocorre no sistema de construção tradicional, que por sua natureza já propicia a proliferação de fungos devido ao acúmulo de umidade e a temperatura fria dos elementos que são utilizados.

Da mesma maneira que ocorre em qualquer projeto que utilize o método tradicional, a garantia da qualidade esperada na construção que utilize o steel frame e drywall torna imprescindível a consulta e a supervisão de profissionais qualificados, desde o planejamento até a conclusão da obra, além da utilização de materiais de qualidade e a contratação de mão de obra qualificada.

Como esses sistemas são os mais modernos, econômicos e eficientes, garantidos por normas da ABNT, e sua fabricação pode ser realizada com qualidade pelo uso de diversas tecnologias mais recentes, sua utilização é a certeza de que resultados esperados serão atingidos, sem ocasionar os diversos incidentes, caros e trabalhosos, durante a construção e após, quando o imóvel estiver ocupado.

Afinal, eles estão em constante desenvolvimento e modernização para se adaptar as novas tendências e também aos desafios que surgem no setor de construção.

Compartilhe:

Os comentários estão encerrados.